O dia em que fomos campeões da Europa

O dia 10 de Julho começou a sorrir para o desporto nacional com a conquista de cinco medalhas nos europeus de Atletismo, por isso era difícil não acreditar em uma noite de alegria no futebol.

O jogo cedo se começou a desenhar, combativo, agressivo, e muitas das vezes desigual nas oportunidades e nas decisões. Aos 25minutos, depois de uma jogada cuja intencionalidade pode ser discutida, a selecção nacional perde em campo o seu Capitão, há lágrimas, não havia como evitar, afinal era o jogo decisivo para vencer um troféu colectivo há 13 anos perseguido.

Em campo fica uma equipa decidida a lutar por este título, decidida a lutar pelo seu Capitão, e eu confesso que o que eu gostava mesmo era de ter sido mosca e ter estado naquele balneário durante o intervalo pois a equipa regressou sem dúvida mais forte e o banco de Portugal passou a ter não um, mas dois seleccionadores, com um Ronaldo imparável, que pode não ter estado dentro das 4 linhas, mas foi até ao fim o Capitão de uma caravela chamada Portugal!

Aos 108 minutos calámos a Europa, calámos a França e mesmo entre festejos calámos Portugal já que muitos se questionaram sobre a presença do Éder neste Euro, pois bem, ninguém sabia, para além do Sr. Engenheiro, mas ele foi lá para nos dar o golo da vitória!

Os restantes minutos, até soar o apito final foram os mais penosos de sempre, mas no fim: Campeões!!! 

Gritos, lágrimas, deixámos de ser aquela Selecção do quase, quase ganhamos, para sermos finalmente os Campeões :)

Um Muito Obrigado a estes jogadores, cada um na sua forma de jogo serviu a nossa Selecção para alcançarmos e vencermos esta Final. Um Muito Obrigado ao Mister que na sua fé guiou este país ao triunfo.

E desde ontem que o dia foi de partilha, de muitas imagens que valem mais do que mil palavras!


Sem comentários