A Princesa Azul e a Felicidade Escondida | E uma lição para a vida

O ano ainda mal começou e já terminei o terceiro livro [sobre o segundo um dia mais tarde falarei]

A escolha recaiu sobre a "A Princesa Azul e a Felicidade Escondida" de Filipa Sáragga, um livro do Plano Nacional de Leitura recomendado para o 6º ano de escolaridade e que a mim me foi recomendado com a seguinte frase: "Um livro para crianças que deveria ser obrigatório para todos os adultos". Terminada a leitura não poderia estar mais de acordo. Este é um livro que nos recorda [ou ensina] a viver com e na diferença. É um livro que nos obriga a viajar dentro de nós, fazendo-nos acompanhar de quem nos rodeia. É um livro que nos ensina o poder da gratidão, a necessidade de fazer da tolerância um exercício diária e que na vida tudo se consegue superar com amor. No fundo é uma história encantada para crianças mas que tem uma mensagem gigantesca para os adultos que já se esqueceram de que são feitas as coisas boas da vida! 

Duas passagens [entre tantas que poderia escolher]:
"- Porque temos de rezar por este dia?
- Porque rezar é agradecer. Se o dia foi bom, devemos agradecer a Deus por isso.
- E se o dia foi mau, mãe?
- Devemos agradecer o dia seguinte, minha querida, porque esse será melhor"

"Nós somos os maiores responsáveis pelo nosso destino, Clara. Ficas também a saber que ser feliz não é ter uma vida perfeita. Não existem vidas perfeitas. Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver, apesar de todos os obstáculos, de todas as dificuldades, frustrações e perdas. É deixarmos de ser vítimas para nos tornarmos autores da nossa própria história"


Sinopse
No Reino Distante, do amor do Rei Grande e da Rainha Luz, nasce uma princesa de pele azul chamada Clara. Como todos aqueles que são diferentes, Clara, a princesa azul, cresce a ser amada por muitos e a ser discriminada por outros tantos. Os seus primeiros anos de vida são felizes mas aos poucos isso vai-se alterando.
O sofrimento e a dor da discriminação, da injustiça e da crueldade vão levar a princesa azul ao limite das suas forças e é no meio desse sofrimento e dor que Clara parte à procura de uma solução, e, talvez bem no fundo, à procura de si mesma.
É junto da Rosa-Baú e com a ajuda dos seus sete cristais que Clara vai aprender a amar, a perdoar, a respeitar, a agradecer e a perceber o que é essencial nesta vida. 
A Princesa Azul e a Felicidade Escondida é uma fábula magnífica sobre o poder do coração, da amizade e do amor que mostra que "aquilo que procuras está dentro de ti".

Sem comentários